Blog

Quais as linhas de crédito para empresas de tecnologia existentes no país? (parte 2)
Financiamento
Financiamento para tecnologia

Neste segundo post da série sobre as oportunidades de crédito existentes no país para empresas de tecnologia  (veja o primeiro post aqui), iremos descrever os financiamentos com juros subsidiados pelo governo de órgãos como BNDES, FINEP, Desenvolve SP, BDMG, AgeRio, Banrisul, etc. 

Para empresas que mantém desenvolvimento tecnológico constante, estas linhas são uma mão-na-roda para que a empresa receba uma “paulada” no caixa e consiga viabilizar a melhoria ou criação de novos produtos e serviços. Além disso, estes programas de financiamento possuem longos prazos de carência, com até 24 meses para começar a pagar, e também extensos prazos de amortização.

Alguns programas chegam a dar 10 anos de prazo para quitar a dívida – são os famosos “empréstimos de pai para filho”, como costumamos dizer para os nossos clientes.

Estes longos prazos são excelentes para amenizar o fluxo de caixa demorado de um projeto de inovação, que às vezes chega a levar anos e anos do momento que a empresa começa a gastar até ela começar a faturar em cima do que desenvolveu.

Também servem para minimizar o risco financeiro do projeto, uma vez que o juros subsidiados pelo governo podem significar uma economia de centenas de milhares de reais para a empresa em relação à captação de um empréstimo tradicional em um banco comercial. Por isso, apesar do trabalho que dá captar um recurso como este, são inúmeras as vantagens em relação a linhas de crédito tradicionais, de modo que sempre recomendamos ir por este caminho se a empresa for elegível.

Abaixo segue as principais linhas disponíveis, segmentadas por porte de empresa.

 

Grandes empresas

 

BNDES

Para grandes empresas que tenham projetos de inovação, o BNDES oferece como principal linha o BNDES FINEM, que possui algumas segmentações específicas, como por exemplo,  FINEM TI,  ou o FINEM Inovação, embora estas segmentações sejam pequenas variações do FINEM principal. O valor mínimo a ser solicitado é de R$ 10 milhões.

O FINEM oferece taxa de juros anual de TJLP + 2,1% a 6,56% ao ano,  o dá que atualmente uma faixa entre 9 a 14% de juros anuais (considerando a TJLP em torno de 7%). O prazo de carência e amortização variam conforme a empresa solicitante, mas podemos colocar aqui em média até 24 meses de carência e até 10 anos para pagar.

Alguns setores da indústria, como por exemplo o Agronegócio, tem a sua linha especial, o INOVAGRO, que possui condições bem mais facilitadas para o setor.

 

FINEP 

A FINEP disponibiliza duas linhas importantes para grandes empresas que querem desenvolver um projeto de inovação:

  1. FINEP para empresas: com valor mínimo de R$ 10 milhões, esta linha (antigo FINEP 30 dias) é voltada para projetos de P,D&I. A taxa de juros varia entre 7 a 10%, aproximadamente, de acordo com o grau de inovação do projeto. Aqui,  a dica que damos para nossos clientes é avaliar com uma ótica neutra o projeto que a empresa irá desenvolver, pois nossos clientes sempre costumam superestimar o quão inovador é o projeto, principalmente porque não entendem direito qual o mindset que a equipe da FINEP possui na hora de analisar um projeto como este. Caso este seja o seu caso, elaboramos este guia gratuito para você entender “O que os bancos do governo entende como inovação?”.

2. FINEP Conecta: Específico para projetos em parcerias com universidades, o FINEP Conecta possui taxa de juros extremamente atraentes. Saiba tudo sobre o programa clicando aqui.

 

 Pequenas e Médias empresas

 

Temos uma seção específica em nosso site para o Inovacred e o BNDES MPME, com todas as informações sobre os programas. Caso você esteja pensando em captar uma destas linhas de financiamento para tecnologia, elaboramos esta série de posts para lhe ajudar a decidir se o melhor programa para você é o BNDES MPME ou o FINEP Inovacred. De qualquer modo, abaixo segue um resumo das linhas:

 

      1. FINEP Inovacred:  A grande vantagem do programa é que ele oferece condições extremamente atraentes em termos de juros, que giram em média em torno de 8 a 9% ao ano. Isso mesmo que você leu. 8 a 9% ao ano, o que é muito abaixo da grande maioria das linhas de financiamento que existem para PMES (e com certeza bem melhor do que os 6% ao mês que o seu gerente do banco vive querendo te empurrar). O Inovacred é operado via uma lista de bancos regionais como Badesc, AgeRio, Desenvolve SP, Desenbahia, etc.

       2.BNDES MPME: Análogo ao Inovacred, o BNDES MPME é o programa de financiamento do BNDES para pequenas em médias empresas inovadoras, e também é terceirizado para os bancos estaduais de fomento. A taxa de carência é próxima de 24 meses, e os prazos de amortização e juros variam de acordo com o banco terceirizador.

       3. Linha Incentivo à Inovação: esta linha merece menção especial, pois possui a menor taxa de juros quase que de todas as linhas que existem atualmente no Brasil. Apenas para empresas que irão executar o projeto no estado de São Paulo (a sede não precisa ser em São Paulo), esta linha é oferecida pelo Desenvolve SP. Saiba tudo sobre ela clicando aqui.

 

Bancos Regionais

 

Além destas duas linhas principais, há também linhas específicas oferecidas pelos bancos regionais, sendo que algumas delas são até melhores que o Inovacred e o MPME. Deste modo, é altamente recomendado conhecer as linhas do seu banco estadual e compará-las com o BNDES. Para identificar qual é o banco que atende o seu estado, bem como conhecer todas as linhas que ele possui para sua empresa, clique aqui. 

 

Continuaremos esta série falando sobre programas de investimento em empresas de tecnologia na forma de Capital Anjo, ou Venture Capital, bem como todos os incentivos fiscais existentes para empresas de desenvolvimento tecnológico.

 

A idr consultoria é altamente especializada em captar financiamento para empresas de tecnologia. Temos inúmeros cases de sucesso, que podem ser exatamente iguais ao que sua empresa precisa. Saiba mais mandando um whatsapp ou ligando para (11) 94700 – 0004. Fale com os melhores. Fale com a idr consultoria!

Veja também

balanço de empresa mostrando patrimonio liquido para a empresa captar um financiamento
Financiamento

Vamos deixar bem claro: nenhuma empresa consegue sobreviver sem uma boa gestão financeira. Também sem um bom equilíbrio das contas, é muito difícil traçar os próximos passos, realizar o planejamento estratégico e conseguir expandir as operações.

Finep 30 dias

Boa notícia para empresas de tecnologia de Santa Catarina: ao longo de 2017,  a FINEP abriu escritórios regionais com a ideia de capitalizar o financiamento e levar crédito para outras regiões do Brasil...

Inovacred e MPME

O INOVACRED é um programa de financiamento da FINEP cujo objetivo é oferecer financiamento com juros reduzidos e condições atraentes para as empresas que possuem uma receita operacional bruta, ou ainda anualizada, de até 90 milhões.

Fale com um consultor
Deixe seu telefone e ligaremos em breve